Feira na Rosenbaum leva projeto Pelo Brasil pela primeira vez à Fortaleza

A Feira na Rosenbaum, consolidado evento que reúne artesãos e designers do Brasil, se prepara para integrar a comunidade de arquitetos do Ceará com a chegada da Feira, em Fortaleza. O Museu da Indústria, localizado no centro histórico da capital cearense, em frente à Praça dos Mártires (Passeio Público), é o local que recebe a  programação, que conta com 58 criativos vindos de diferentes regiões do país, sessões de talks com especialistas no campo do design autoral e artesanato local, música, vinhos, comidinhas e cafés vindos de pequenos produtores regionais.

A  Feira na Rosenbaum Pelo Brasil é um projeto itinerante de quatro dias que acontece em diferentes cidades culturalmente importantes, como Manaus, Goiânia, Recife e Olinda, Maringá, Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e agora em Fortaleza, para levar o melhor do design brasileiro para diferentes estados, além de incentivar e celebrar a diversidade da produção autoral local e promover o fortalecimento da economia criativa e do desenvolvimento sustentável nesses locais.

“A identidade singular de Fortaleza, com essa mistura única de influências indígena, portuguesa e africana, faz com que a capital do Ceará se torne um caldeirão de culturas,  com novos talentos emergindo todos os anos em diferentes campos de atuação. Estamos ansiosas para reunir essas pessoas e vivenciarmos isso de perto, ainda mais nesse lugar incrível que é o Museu da Indústria”, comenta Cristiane Miranda Rosenbaum, curadora e idealizadora da mostra.

Valorização do centro histórico

Para este primeiro encontro, o local escolhido será o Museu da Indústria, localizado no mais importante corredor histórico do Centro de Fortaleza e com vista privilegiada para os principais cartões postais da cidade, como o Passeio Público, o Forte Nossa Senhora de Assunção e o Complexo Cultural Estação das Artes. Inaugurado em 2014, o Museu da Indústria é considerado um marco cultural e turístico da capital cearense e conta com um centro de pesquisa especializado na área de História da Indústria do Ceará, que detém um acervo de mais de 800 títulos catalogados em mais de 2.000m 2 de área. Outros assuntos, como artes visuais, arquitetura, economia e a história do Ceará também integram as salas de exposições, confirmando a magnitude da instituição.

Idealizada por Cristiane Miranda Rosenbaum, fundadora e curadora de design e pelo co-fundador e arquiteto Marcelo Rosenbaum, a Feira na Rosenbaum traz o propósito de expor a alma brasileira, criando uma atmosfera multissensorial a cada edição, que inclui uma narrativa visual, sabores, música, cheiros e encontros em uma energia de casa e de acolhimento. São designers, artistas e artesãos que expõem criações autorais com identidade singular, que ajudam a contar a diversidade dos saberes e das riquezas culturais do Brasil.

Para esta estreia, a Feira destaca a participação de notáveis talentos, incluindo o mobiliário de Camila Fiuza, os acessórios do Estúdio Atravessei, os objetos de decoração do coletivo Ser.tão.mais, além das esculturas em cerâmica de Ana Santiago, que exploram temas ancestrais. Como parte desse movimento, é importante ressaltar que o trabalho de dezenas de artesãos e criativos cearenses também estão expostos na Loja Pop-up da Feira na Rosenbaum na Casa Cor até o dia 28 de julho, demonstrando a importância do intercâmbio sociocultural que as viagens e itinerâncias da Feira pelo Brasil têm para o fortalecimento e a visibilidade de criativos de diversos lugares do país.

 

Programação cultural

A programação inclui ainda: sessões de talks com o coletivo Kuya (Centro de Design do Ceará) na sexta, um outro com o comunicólogo e ativista de sustentabilidade, Jackson Araújo, com os designers de Fortaleza e da periferia da cidade no sábado de manhã, e happy hours com música que vão acontecer todos os dias durante o anoitecer. Para chegar na Feira na Rosenbaum no Museu da Indústria, a organização disponibilizou serviço de vallet service durante o horário de funcionamento, seguranças do evento e ainda um bicicletário localizado no belíssimo corredor histórico de Fortaleza, que fica a poucos metros da instituição.

Sobre a Feira na Rosenbaum

Em formato de plataforma criativa, a Feira na Rosenbaum traz como propósito “expor a alma brasileira”. Por meio de suas edições que reúnem artistas e artesãos, desde comunidades criativas tradicionais até designers independentes, leva ao público criações autorais que ajudam a contar e promover a rica diversidade cultural, em uma atmosfera multissensorial, que inclui uma narrativa visual, sabores, música, cheiros, cenários e encontros, em uma energia de casa aberta e acolhimento.

Com DNA para o apoio e promoção de comunidades criativas tradicionais, por meio do Instituto Socioambiental (ISA), que propõe soluções a questões sociais e ambientais com foco na defesa de bens e direitos sociais, coletivos e difusos relativos ao meio ambiente, ao patrimônio cultural, aos direitos humanos e dos povos, a Feira na Rosenbaum é membro associado da Origens Brasil, rede que garante negócios sustentáveis na Amazônia, em áreas prioritárias de conservação, com garantia de origem, transparência e ética.

SERVIÇO:

Feira na Rosenbaum pelo Brasil em Fortaleza-CE

Quando: 13 a 16 de junho

Horário: 11h às 20h

Endereço: Museu da indústria (Rua Dr. João Moreira, 143 – Centro)

Entrada gratuita

Instagram: @feiranarosenbaum

19 COMMENTS

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados